Teto de estação da Linha-9 Esmeralda desaba em São Paulo


Concessionária que administra a linha de trem diz que forro de gesso cedeu por causa das chuvas e que ninguém se feriu

Parte do teto da estação Osasco, da linha 9-Esmeralda da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos), desabou na 4ª feira (4.out.2023). De acordo com a ViaMobilidade, concessionária que administra a linha, o desabamento foi causado pelo temporal que caiu sobre a Grande São Paulo durante a tarde. Ninguém se feriu.

Vídeos compartilhados nas redes sociais mostram que a estação estava cheia na hora do incidente. Porém, conforme informou a concessionária em nota, a área onde ocorreu o desabamento estava isolada para manutenção.

Por volta de 16h40, uma parte do forro de gesso do teto da Estação Osasco, da Linha 9-Esmeralda, cedeu por conta do peso da água da chuva. Não havia circulação de passageiros no local, que foi isolado imediatamente. Equipe de manutenção da ViaMobilidade realiza manutenção no espaço, que não oferece risco aos clientes”, diz o comunicado enviado ao jornal O Estado de São Paulo.

Assista ao momento em que o teto desabou (5s):

 

O incidente ocorreu 1 dia depois da greve dos funcionários da CPTM, Metrô e Sabesp (Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo) contra a privatização das companhias.

Na 3ª feira (3.out), as linhas de trem e metrô que não são administradas pela iniciativa privada ficaram paralisadas. A linha 9-Esmeralda, onde houve o incidente, é administrada pela ViaMobilidade e funcionou normalmente.



Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *