Seguro de vida para funcionários: um guia completo!

[ad_1]

Um dos benefícios corporativos mais oferecidos pelas empresas é o Seguro de Vida para funcionários. Ele garante a tranquilidade do trabalhador e da sua família em momentos difíceis, sendo muitas vezes, inclusive, um benefício obrigatório pela comunidade.

Está em dúvida se deve ou incluir o seguro de vida do pacote de benefícios dos seus funcionários? Faça uma avaliação antes de tomar a decisão. Baixe aqui a nossa planilha e analise o pacote de benefícios de forma rápida e objetiva!

Mesmo sendo utilizado em larga escala, no entanto, ainda existem muitas dúvidas sobre esse assunto. Por isso, neste artigo vamos esclarecer algumas das principais questões sobre o Seguro de Vida. Continue a leitura para saber mais!

Quando o Seguro de Vida pode ser utilizado?

O seguro de vida para funcionários não é usado apenas em caso de falecimento. Uma das principais confusões que se faz sobre esse serviço é que ele é válido apenas em caso de morte do colaborador. A verdade, porém, é que, atualmente, os produtos oferecidos pelas garantias garantem uma utilização muito além de um eventual falecimento. Quando bem contratado, o Seguro de Vida pode incluir:

  • assistência emergencial — serviços úteis, por exemplo, quando o colaborador estiver em viagem nacional ou internacional;
  • despesas médico-odontológicas — podendo ser usado em caso de acidente com o seguro;
  • adiantamento do prêmio em vida — em casos de doenças crônicas ou terminais, o colaborador poderá antecipar o valor da indenização ainda em vida;
  • incapacidade temporária por acidente — o colaborador poderá receber uma renda diária caso sofra um acidente que o afaste do trabalho;
  • assistência funerária — em um eventual falecimento, os familiares não precisariam se preocupar com as providências burocráticas e custo de funeral.

Ou seja, o benefício vai muito além de uma indenização para os dependentes em caso de falecimento do empregado.

Qual é o custo-benefício do Seguro de Vida para funcionários?

Uma das principais vantagens desse produto é o custo-benefício, ou seja, o ganho e tranquilidade que você oferecerá para o colaborador é desproporcional ao custo que sua empresa terá. Os planos ainda são bem customizáveis ​​e você pode fazer o plano que for melhor para os seus colaboradores, variando o nível de cobertura.

O custo vai variar em função de três itens principais: idade do colaborador, quantidade de coberturas acessórias e valor da indenização concedida. Conte com um especialista capacitado a lhe orientar sobre qual a configuração que vai ser mais atraente para os seus funcionários sem onerar a empresa.

Em geral, o seguro de vida para funcionários é um benefício muito barato se comparado a outros, como o seguro saúde, e muito atrativo do ponto de vista do colaborador e sua família, pois garante uma tranquilidade adicional.

Quais categorias de trabalho têm seguro de vida obrigatório?

Apesar de ser um benefício válido para todo colaborador, o seguro de vida para funcionários ainda não é obrigatório para todas as empresas. Existem, porém, algumas categorias com a obrigatoriedade de oferecer esse serviço aos seus funcionários, devido a convenções sindicais e acordos coletivos.

Nesse sentido, o seguro é exigido para as seguintes categorias:

  • construção civil;
  • postos de combustíveis;
  • todos os funcionários de condomínios;
  • comércio de alimentos no varejo;
  • serviços como bares, padarias, buffets, churrascarias, pizzarias e restaurantes;
  • hotelaria, motéis e hospedagem;
  • profissionais de contabilidade;
  • profissionais da área de educação;
  • motoboys e outros entregadores;
  • descargas de serviço;
  • despachantes;
  • serviços relacionados a panificação e confeitaria;
  • têxteis e de vestuário;
  • de louça, porcelana de barro ou cerâmica;
  • forças de roupas infantojuvenis;
  • instalação e manutenção de redes de telecomunicações;

Além disso, vale lembrar que outras categorias também devem receber o seguro obrigatoriamente, em estados específicos do país. É o caso, por exemplo, de instalações elétricas, hidráulicas, de gás e sanitárias em São Paulo. Portanto, sempre vale a pena conferir no seu sindicato ou em sua consultoria jurídica se essa é uma obrigação para o seu negócio.

Para qual perfil de funcionários o Seguro de Vida é recomendado?

Mesmo não sendo obrigatório para todos, esse benefício pode ser sempre aceito. Observe que o Seguro de Vida não é atrativo apenas para colaboradores com familiares que se beneficiem de uma eventual indenização. Funcionários jovens e sem dependentes também têm interesse em ter uma tranquilidade adicional em caso de acidente com afastamento temporário do trabalho.

O seguro de vida é essencial para empresas que desejam oferecer segurança e tranquilidade aos colaboradores. É uma forma muito eficiente de dizer que você se preocupa também com a vida pessoal dos funcionários.

Qual a diferença de Seguro de Vida em Grupo e Individual?

Outra dúvida comum é referente à diferença entre os seguros de vida em grupo e planos individuais. Em muitos sindicatos, a contratação de um seguro de vida em grupo é obrigatória, porém, saiba que esse plano é completamente diferente de um plano individual.

Por que oferecer o Seguro de Vida para funcionários em sua empresa?

Pelo que vimos até aqui, já deu para perceber várias vantagens de oferecer o Seguro de Vida a seus colaboradores, certo? Ele oferece mais tranquilidade ao funcionário e sua família, além de contribuir para o imposto de renda da empresa.

Acontece que isso ainda não é tudo: o Seguro de Vida também é um bom recurso para a atração e retenção de talentos. Isso destacará o seu negócio da concorrência e, inclusive, ajudará na satisfação e na motivação profissional, fazendo com que os colaboradores se sintam valorizados pela companhia. Considere o custo-benefício e faça sua análise. Você verá como essa oferta pode ser positiva!

Como contratar o Seguro de Vida Individual perfeito para seus funcionários?

Agora que você já conhece melhor o Seguro de Vida e suas vantagens, vamos dar algumas dicas para contratar esse serviço para seus funcionários. Afinal, não adianta escolher qualquer opção: é necessário ter segurança e se certificar da qualidade dos serviços. Confira alguns pontos que você deve observar!

Escolha uma boa validação

Escolher um certo controle é fundamental para garantir que o serviço seja prestado como se devesse, sem surpresas, observado ou pago. Assim, opte por uma empresa de confiança. Pesquise sobre seu histórico e sua solidez, conheça a opinião de quem já foi cliente e com clientes atuais, confira seu volume de ativos e informe-se sobre todos os detalhes antes de fechar contrato. Dessa forma, você garante o melhor para sua companhia e seus funcionários.

Fique atento às indenizações diferenciadas

Não tenha um mesmo valor de indenização igual para todos. Tenha certeza de que o valor da indenização compatível seja com o perfil do colaborador (seu salário, principalmente). Crie planos crescentes conforme o colaborador mude de cargas na empresa. Isso o motivará a subir de nível para melhorar as condições do benefício.

Invista em planos mais completos

Capriche na configuração do plano e não se esqueça de garantir indenização em caso de morte (acidental ou natural), invalidez (total ou parcial) e até afastamento. Isso dará uma tranquilidade maior para os colaboradores e suas famílias.

Capriche nos itens adicionais

Adicionar assistências distintas (emergencial, funerária, viagem, entre outros) impactará muito pouco no custo do seguro e trará benefícios reais para o funcionário.

Essas são as principais informações sobre o Seguro de Vida. Agora você já conhece suas vantagens e seu funcionamento, pode incluí-lo em seu pacote de benefícios!

Esperamos ter ajudado! Para saber mais sobre o Seguro de Vida para funcionários ou conhecer nossos serviços é só entrar em contato com a equipe da Convenia!

Nova frase de chamariz