Projeto vai conectar 100% das escolas até 2026, diz ministro


Juscelino Filho (Comunicações) afirma ainda que “mais 24.000 redes de saúde próximas dessas instituições serão conectadas”

O ministro das Comunicações, Juscelino Filho, disse que deve ser lançado no fim de setembro um “grande programa de conectividade nas escolas” públicas do país. A declaração foi dada nesta 3ª feira (12.set.2023), durante abertura do evento Painel Telebrasil Summit.

“O Brasil tem pouco mais de 138 mil escolas básicas de ensino. Sendo que 8.000 destas estão desconectadas e outras 119 mil contam com internet em velocidade insuficiente para uso pedagógico”, afirmou.

De acordo com Juscelino Filho, o projeto tem 3 linhas básicas:

  • conectar as escolas sem internet;
  • melhorar a conectividade das que estão conectadas; e
  • implementar a internet wi-fi nas instituições.

“Estamos empenhados em atingir essas metas e contamos com o setor de telecomunicações. Dentro do programa, além de conectar 100% das escolas até 2026, mais 24.000 redes de saúde que ficam até 500 metros dessas instituições também serão conectadas”, declarou.

O projeto será implementado a partir de investimentos do novo PAC. O ministério espera gastar R$ 6,5 bilhões para atingir as metas estabelecidas no plano.

CONECTIVIDADE E INCLUSÃO

O ministro destacou a inclusão de um novo eixo dentro do novo PAC, o “eixo estratégico de conectividade e inclusão digital”, o qual contará com o aporte de R$ 20 bilhões.

“Os valores serão para a implementação do 5G no país, além da chegada do 4G em novos distritos que não contam com a tecnologia. Também queremos a implementação de novas infravias para levar conectividade com velocidade para as escolas e unidades de saúde”, disse.

Juscelino Filho afirmou que o ministério tem “focado os esforços” na “ampliação da conectividade” em todo o país, pois vê a estrutura das telecomunicações como “decisiva” para a transformação social e competitividade da economia”

Nesse sentido, o ministro citou o PND (Plano Nacional de Inclusão Digital) com a criação de um GP (Grupo de Trabalho) interministerial sob coordenação do Ministério das Comunicações.

“Iremos elaborar diagnósticos e traçar estratégias, com eixos temáticos de educação, letramento digital, diversidade”, afirmou.

Juscelino Filho falou que “2/3 das pessoas que não acessam a internet não estão conectadas porque não sabem fazê-lo”. 

“Então, será exigido medidas para o letramento digital. E a chave para isso é o ensino dentro das escolas públicas”, declarou.

Telebrasil Summit

O Painel Telebrasil Summit 2023 é realizado no Royal Tulip, em Brasília, nesta 3ª feira (12.set) e visa a discutir os avanços do setor de telecomunicações no Brasil.

O evento também conta com programação que se estende até esta 4ª feira (13.set).

Eis alguns dos participantes dos seminários e palestras: 



Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *