Em encontro com Macron, Lula cobra conclusão de acordo Mercosul-UE

[ad_1]

Presidente brasileiro disse que bloco sul-americano está pronto para concluir o acordo; presidente da França deve visitar o Brasil em 2024

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva se reuniu neste domingo (10.set.2023) com o líder da França, Emmanuel Macron, à margem da cúpula do G20, em Nova Délhi, na Índia. O encontro foi fechado.

Segundo a presidência, ambos conversaram sobre as pendências que ainda impedem a finalização do acordo entre o Mercosul e a União Europeia. Lula disse a Macron que o bloco sul-americano está pronto para concluir o processo o mais rápido possível e que espera uma postura clara dos europeus.

Na semana passada, negociadores do Mercosul apresentaram diretrizes que o bloco enviará como resposta a demandas da União Europeia apresentadas em março. Em julho, Lula afirmou que a carta contendo cobranças sobre questões ambientais era “inaceitável”. Uma reunião entre negociadores dos 2 grupos será realizada em 15 de setembro em Brasília.

“Para o presidente brasileiro, não faz mais sentido, após 22 anos de tratativas entre os negociadores, seguir numa perspectiva de protelar consensos. Para ele, é o momento de os líderes dos dois lados decidirem politicamente levar o acordo entre os blocos adiante”, diz texto divulgado pelo governo sobre o encontro.

Lula disse ainda que o governo brasileiro não abre mão de proteger seu mercado de compras governamentais porque considera a ferramenta essencial para a reindustrialização do país.

O comunicado do governo diz ainda que o presidente enfatizou que o Mercosul “não aceita posturas como a carta adicional que a União Europeia fez neste ano, incluindo possibilidades de sanções em função de temas ambientais”.

No encontro, Macron indicou que deve visitar o Brasil no 1º semestre de 2024. Será sua 1ª visita ao país.

Além do acordo entre os 2 blocos, os presidentes discutiram ainda propostas de cooperação em áreas como defesa e meio ambiente. Também conversaram sobre o intercâmbio de projetos culturais de cada país.



[ad_2]

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *