Dino diz que fala sobre “ter polícia” foi tirada de contexto; assista


Vídeo com a declaração do ministro da Justiça durante a posse de Fufuca circula nas redes; Bolsonaro questionou

O ministro da Justiça, Flávio Dino, usou seus perfis nas redes sociais nesta 6ª feira (15.set.2023) para explicar o que, segundo ele, foi uma frase “tirada de contexto” durante uma breve conversa com o ministro do Esporte, André Fufuca.

Um vídeo que circula nas redes mostra Dino e Fufuca se abraçando na posse do novo titular do Esporte na 4ª feira (13.set.). O ministro da Justiça diz o seguinte: “Dinheiro eu não tenho, mas aquela polícia eu tenho”.

Assista (22s):

Dino afirmou em seu perfil no X (antigo Twitter) que na conversa com Fufuca ele estava se referindo ao Projeto Estádio Seguro, uma parceria a ser assinada com a CBF (Confederação Brasileira de Futebol) na 4ª feira (20.set) e que tem o objetivo de promover segurança nos estádios de futebol. “Brinquei com o ministro André dizendo que ele entraria com o dinheiro e eu com a destinação de efetivo policial”, declarou.

Para o ministro da Justiça, o compartilhamento do vídeo “editado” teria o intuito de “causar um ‘escândalo”‘. Ele questionou se quem compartilhou o vídeo está “planejando invadir e quebrar estádios de futebol” ou se “é a já conhecida vocação para a mentira”.

Dino também declarou que “há políticos ou ex-políticos extremistas que ficam nervosos com a mera menção à palavra ‘polícia’”.

Embora o ministro da Justiça não cite nomes, o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) havia compartilhado o vídeo 79 minutos antes da manifestação do ministro do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). Ele postou o seguinte em seu perfil: “Um ministro da justiça dizendo para o outro: ‘Dinheiro não tenho, mas aquela Polícia eu tenho’”.

Bolsonaro indagou se é “isso” que é considerado democracia e independência. “Que porcaria é essa?”. É válido ressaltar que não é possível saber o contexto da fala de Dino apenas pelo vídeo compartilhado pelo ex-presidente.



Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *