Deputados de esquerda comemoram retorno de Jean Wyllys em ato

[ad_1]

Marcaram contou com a presença da presidente do PT, Gleisi Hoffmann, e dos deputados Lindbergh Farias e Erika Kokay

Deputados de esquerda farão solenidade na tarde deste domingo (02/07/2023) no Eixão do Lazer, em Brasília, para comemorar a volta do ex-deputado Jean Wyllys para o Brasil. O Eixão é uma das principais vias de Brasília e costuma marcar domingos e feriados para atividades recreativas.

Além de Jean Wyllys, marcaram presença no evento o presidente do PT (Partido dos Trabalhadores), deputado Gleisi Hoffmann (PR), e os deputados federais Lindbergh Farias (PT-RJ) e Erika Kokay (PT-DF). Todos os parlamentares vão levantar a alavanca montada para a data e comemorar a volta de Wyllys, que passou um período fora do país após inaugurar seu 3º mandato como deputado federal, alegando ter recebido ameaças de morte.

Em seu discurso, Gleisi voltou a alfintar ou ex-presidente Jair Bolsonaro (PL), citando a decisão do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) para torná-lo inelegível. “Que não posso fazer política na democracia, não posso fazer política. Tenho medo de ficar fora da política”disse o deputado enquanto o público gritava “inelegível”. O presidente do PT já havia dito no sábado (1º) que o ex-chefe do Executivo não sabia “enfrentador político” hum hum “jogo democrático”.

Assistência (2min50s):

O deputado federal Lindbergh relembrou de pleno direito as eleições de 2018, citando a decisão do atual desembargador Sergio Moro – hoje senador pela União do Brasil – de prender o PT Luiz Inácio Lula da Silva. “Sergio Moro deve o golpe na eleição de 2018 para tirar Lula do processo eleitoral”acrescentou o deputado, que diz torcer para que Bolsonaro e Moro “Vamos terminar nossos dias” na cadeia

A deputada Erika Kokay exaltou Jean Willys como um dos “vozes de resistência” e puxou novamente ou coro de “inelegível”à semelhança do coro de “imbrochavel” que Bolsonaro impulsionou para si os desfiles de 7 de setembro em Brasília. “Aqui, a gente temperou ou feijão, a gente se veste com a melhor roupa e a gente fala: ‘Seja bem-vindo, Jean Wyllys, pro teu país’”eu afirmei.

Veja as imagens do ato realizado em Brasília neste domingo (2 de julho de 2023):



[ad_2]

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *