Como proteger seu cachorro das pulgas


filhote de laboratório amarelo coçando a orelha

Existem muitas pragas que podem representar um perigo para seus cachorros. No mínimo, eles deixam seu cão desconfortável. Na pior das hipóteses, eles podem causar condições de risco de vida se não forem controlados. Heartworms, carrapatos, tênias, pulgas e muito mais podem causar problemas para o seu cão e é importante para você protegê-lo deles. Veja como proteger seu cachorro das pulgas:

1. Use a prevenção contra pulgas o ano todo

índice

Pulgas, carrapatos e outras pragas podem ser mais comuns durante as temperaturas mais altas, mas isso não significa que você deva usar apenas medidas preventivas durante esse período.

Afinal, medidas preventivas, principalmente medicamentos ou tratamentos tópicos, só funcionam se o seu cão já estiver protegido antes começa a temporada de pulgas.

Além disso, as pulgas podem prosperar dentro de casa durante o inverno. Por essas e outras razões, é importante usar a prevenção contra pulgas de forma consistente durante todo o ano.

2. Verifique se você está usando os produtos certos

Também é importante garantir que você esteja usando os produtos certos para o seu cão. Seu veterinário é um ótimo recurso para determinar as melhores medidas para proteger seu cão contra pulgas, por isso vale a pena uma visita para pelo menos conversar sobre suas opções.

Você quer ter certeza de que está usando produtos feitos para cachorros e que está usando o produto certo para o que precisa. Existem tratamentos tópicos, comprimidos e pílulas que são usados ​​especificamente para a prevenção de pulgas e outros que são usados ​​apenas para tratar uma infestação de pulgas ativa. Existem também várias opções que fornecem proteção contra várias pragas, como pulgas, carrapatos e vermes.

Além disso, verifique se você está acompanhando as datas de validade dos produtos que está usando. Produtos fora do prazo de validade ou simplesmente métodos desatualizados são menos eficazes e podem deixar seu cão sem proteção.

3. Verifique seu cão e seu noivo regularmente

Adquira o hábito de checar seu cachorro depois que ele estiver fora de casa. Você não apenas será capaz de parar as pulgas em suas trilhas porque as pegará cedo, mas também será capaz de pegar qualquer outra coisa que possa causar um problema como carrapatos. Os locais para procurar carrapatos em seu cão são os mesmos onde você deseja verificar se há pulgas e outras pragas.

Sessões regulares de tosa também são importantes para o seu cão em geral. E eles também podem ajudá-lo a identificar e se livrar das pulgas antes que elas saiam do controle. Também pode ser uma boa ideia cortar o pelo do seu cão ou escová-lo mais curto durante a temporada de pulgas para facilitar a verificação. Também pode ajudar a manter seu cão mais confortável em climas mais quentes.

Fique atento aos sinais comuns de que seu cão pode ter pulgas e mantenha-se atualizado para ajudar a proteger seu cão contra pulgas e sua casa também.

4. Fique por dentro do paisagismo e da limpeza

Pulgas, carrapatos e outros parasitas adoram ficar na bagunça, seja dentro ou fora de casa. Muita desordem dentro de casa pode dificultar a prevenção de uma infestação de pulgas ou se livrar de uma mais difícil se o seu cão trouxer algumas para dentro de casa.

Além de acompanhar o interior da sua casa, você também quer ficar por dentro do paisagismo e limpar o seu quintal. As pulgas adoram ficar em áreas quentes e sombreadas. Se houver detritos orgânicos presentes, eles adoram ainda mais.

Manter seu quintal livre de pilhas de folhas caídas, aparas de grama ou arbustos e aparar a folhagem pode reduzir os lugares disponíveis para as pulgas se esconderem. Os carrapatos tendem a ser fãs de grama alta e também podem esconder lugares para as pulgas, então cortar a grama regularmente também pode ajudar a manter essas pragas afastadas.

5. Faça exames veterinários regulares

Você deve ir a todas as suas visitas regulares ao veterinário independentemente. Certificar-se de que essas visitas estão dentro do cronograma também pode ajudar a proteger seu cão das pulgas.

Parte de um check-up geral para o seu cão inclui examiná-lo em busca de sinais de problemas que possam ser causados ​​por parasitas. Isso ajuda a proteger seu cão e também é uma boa verificação de backup de que seus produtos e medidas preventivas estão funcionando.

Saber como proteger seu cão das pulgas pode salvar você e seu cão de muita miséria. O uso dessas dicas pode ajudar a manter seu cão protegido contra pulgas e carrapatos, o que lhe dá uma coisa a menos com que se preocupar e permite que você se concentre em aproveitar o ar livre com seu filhote.



Source link

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *